Total de visualizações de página

terça-feira, 18 de junho de 2019

MÉDICOS CUBANOS PODEM RETORNAR AO BRASIL PARA ASSUMIR O "MAIS MÉDICOS NORDESTINO" CRIADO PELO "CONSORCIO DO NORDESTE"


Governadores do Nordeste se reuniram e decidiram formar um "consorcio" denominado de "consorcio do nordeste". Este consorcio tem a finalidade de representar os governos no âmbito jurídico. Os membros já começaram à debater os primeiros projetos. Um desses projetos é firmar um contrato com a OPAS (Organização Pan-Americana de Saúde), que exporta profissionais da área de saúde para países que desejam contar com mão de obra estrangeira.

A intenção dos governadores do Nordeste é recriar um programa nos moldes do "MAIS MÉDICOS" e trazer de volta médicos Cubanos, para fazer atendimentos em todas às regiões do nordeste. Segundo informações publicadas pelo Blog Painel, o Governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB) já consultou a entidade para fazer um contrato regional.

A organização reincidiu o contrato logo após a eleição do Presidente Jair Bolsonaro (PSL), no ano passado. Após fazer duras críticas ao programa, o então ditador de Cuba Raul Castro decidiu convocar os médicos Cubano de volta. Aqueles que não aceitassem a decisão de voltar ao país, eram considerado desertores pelo governo Cubano.

Uma das exigências do Governo Brasileiro para que os médicos Cubano ficassem no país para exercer suas funções, foi a aplicação do exame "revalida", que é aplicado para médicos brasileiros ou estrangeiros residentes no Brasil, que obtiveram diploma de graduação em instituições estrangeiras reconhecidas no país de origem.

O Governo Federal ainda não emitiu nenhuma opinião referente ao "consorcio do nordeste" e a criação do "Mais Médicos Nordestino". O retorno de profissionais estrangeiros e exigência do exame "Revalida" por parte do Ministro da Saúde, pode ser uma nova queda de braço entre o Governo Federal e os Governos do Nordeste. 


Com ou sem o "Revalida"? Eis à dúvida! 

segunda-feira, 17 de junho de 2019

CALOTE DA ODEBRECHT CHEGA A R$ 90 BILHÕES, O MAIOR DA HISTÓRIA DO PAÍS


Conforme o previsto, a Odebrecht apresentou hoje à Justiça de São Paulo o seu pedido de recuperação judicial, registra a Folha.

A lista de credores foi definida, e o calote da empreiteira deve ficar entre R$ 85 bilhões e R$ 90 bilhões.

É a maior recuperação judicial da história do país –supera o pedido de recuperação judicial da Oi, que chegou a R$ 64 bilhões.

Em comunicado, a companhia informou que o processo envolve 51 bilhões de reais de dívidas passíveis de reestruturação. Outros 14,5 bilhões de reais são compostos sobretudo por dívidas lastreadas em ações da Braskem e não passíveis de reestruturação.

domingo, 16 de junho de 2019

PETROBRÁS FAZ A MAIOR DESCOBERTA DESDE DO PRÉ-SAL EM SERGIPE


Em pouco tempo, o gás natural mais barato do País deve sair de Sergipe. A Petrobrás descobriu no Estado seis campos, de onde vai extrair 20 milhões de metros cúbicos de gás por dia, o que equivale a um terço da produção total do Brasil. O volume é ainda quase a metade do que a Bolívia, maior fornecedor do produto na América do Sul, vende no continente. 

A descoberta deve render R$ 7 bilhões anuais à Petrobrás e é a maior feita pela estatal desde o pré-sal, em 2006. A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou que há ainda outras áreas com indícios de presença de petróleo e gás na região, que podem resultar em “novas descobertas relevantes”. 

A novidade deve impulsionar plano de redução do preço dos combustíveis do ministro da Economia, Paulo Guedes. “Vamos ter competição, é o que vai fazer o preço baixar”, afirma o secretário de Petróleo e Gás Natural do Ministério de Minas e Energia, Márcio Felix.


Fonte: ANP

sábado, 15 de junho de 2019

NEM ZANIN ADVOGADO DE LULA QUER USAR AS TROCAS DE MENSAGENS ENTRE MORO E DALLAGNOL


O Antagonista encontrou o advogado de Lula, Cristiano Zanin, quando ele saía de uma reunião ontem com Edson Fachin no Supremo Tribunal Federal.

Perguntamos, afinal, como ele quer usar as mensagens entre Sergio Moro e Deltan Dallagnol no pedido de soltura de Lula, a ser julgado na Segunda Turma no próximo dia 25.

Ele explicou que não vai anexar formalmente no processo a transcrição das mensagens — numa petição protocolada na quinta, a defesa listou apenas os links das reportagens –, mas espera que os ministros as considerem ao avaliarem se Moro foi ou não parcial no caso do triplex.

Veja como foi a conversa:

A decisão sobre a inclusão cabe ao ministro Edson Fachin, relator do HC, certo?

“Na verdade, não houve nenhuma inclusão. Não juntamos nenhum documento nos autos, porque entendemos que os fatos que derivam das publicações do The Intercept são públicos e notórios, então independem de qualquer tipo de iniciativa probatória da defesa. E, ademais disso, os fatos que geraram a impetração do habeas corpus estão lá, devidamente comprovados e, ao nosso ver, deixam clara a suspeição que foi afirmada.”

Se não há inclusão, as mensagens não podem ser levadas em conta no julgamento, certo?

“Não. Do ponto de vista jurídico, do ponto de vista daquilo que estabelece a lei, são fatos públicos e notórios que podem ser levados em consideração pelos julgadores.”

O fato de elas terem sido obtidas de forma supostamente ilegal, já que houve captação de mensagens de um telefone de uso particular, não é um problema?

“Onde está isso que foi ilegal?”

Parece que sim…
“Primeiro, nós não podemos trabalhar com ‘parece’. São elementos divulgados por jornalistas que nós reputamos que podem reforçar um cenário que já era afirmado pela defesa desde 2016. Não bastasse isso, do ponto de vista da defesa, o que importa são os fatos revelados.

Há que se construir uma muralha. Primeiro, o aspecto relativo aos jornalistas, ao acesso e eventualmente aquilo que envolve as pessoas que foram alcançadas, esse é um tema que não tem nada a ver com o uso, pela defesa, da informação divulgada e que está pública e notória à disposição de todos os brasileiros.”

Legal ou ilegal? Dúvidas Zanin? 

VENEZUELA: COM INFLAÇÃO QUE JÁ ULTRAPASSA 1.000.000%, "MORRER" VIRA SOLUÇÃO PARA FUGIR DA CRISE E NÚMERO DE SUICÍDIOS EXPLODE


A Venezuela está vivendo a pior crise econômica, moral, cívica e política de sua história. O país está sendo saqueado pelo o ditador Nicolás Maduro, o qual deu um golpe de Estado no próprio país, para implantar a ditadura bolivariana. Com isso, deu-se início a perseguições políticas contras seus adversários e contra o povo que se impôs à ser contra seu modelo chavista e bolivariano de governar o país.

O País sofreu fortes recessões, o que fez a guerra interna no país ganhar contrastes graves. Mais de 80 países do mundo já não reconhecem mais o Governo Maduro como sendo um Governo legítimo, e isso tem afetado a economia do país. Muitos venezuelanos fugiram da fome, da miséria e da repressão do Governo, vindo se refugiar em países vizinhos, porém, quem ficou no país, hoje vive um drama, tendo a morte como única opção para sair da crise.



A grave crise no país parece não ter fim, as pessoas não veem mais um norte para se livrar da fome, da sede e da miséria. Devido os tantos problemas enfrentados pelo povo venezuelano, a saída para muitos é tirar a própria vida. Segundo a Rede Nacional dos Psicólogos Sem Fronteiras, a cada semana eles recebem, em média, quatro novos casos de pacientes suicidas.

Segundo dados do governo, o número de pessoas que tiraram a sua própria vida quadruplicou nos últimos 15 anos, porém o fenômeno acelerou em 2018 e quase 800 casos foram registrados em dados oficiais na capital Caracas. Os números são superiores a estes, mas não sabem ao certo quantos casos existem no país, apenas os números oficiais em registro.



O mais impressionante são as crianças suicidas. O número de casos tem aumentado, o que tem impressionado os Psicólogos Sem Fronteiras. Segundo à Presidente Marisol Ramirez, ela relata que recebeu crianças em estado crítico e que diziam que a "mãe tinha se refugiado no exterior", que não queriam morar com avós e tias e, por isso, tinham vontade de morrer, relata Marisol.

A ideia da morte está se banalizando na Venezuela, as crianças estão absorvendo a ideia de que morrer é a única saída para sanar os problemas, a fome, a miséria e o sofrimento. Enquanto o país enfrenta toda essa recessão, órgãos que poderiam intervir e acabar com a guerra civil violenta no país, ignoram a situação e permanecem inertes a situação. 




Questão de humanidade e vida! 

Que Deus abençoe esse povo!

sexta-feira, 14 de junho de 2019

URGENTE: JUIZ FEDERAL ABSOLVE ADÉLIO BISPO POR FACADA EM JAIR BOLSONARO


A Justiça de Juiz de Fora, em Minas Gerais, decidiu nesta sexta-feira (14/06/2019) absolver Adélio Bispo, autor do atentado a facadas contra o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL). O ataque aconteceu quando o militar da reserva fazia campanha presidencial. A informação é da revista Crusoé.

A decisão do juiz federal Bruno Savino tem como base o fato do agressor ter sido considerado inimputável, após laudos médicos. Mesmo com a sentença positiva, Adélio deve permanecer internado por tempo indeterminado. Ele será submetido a perícia médica em 2022, daqui há três anos.

URGENTE: GOVERNADORA FÁTIMA DA RASTEIRA EM SINDICATOS E ACABA COM COMITÊ DE NEGOCIAÇÃO SALARIAL


Depois de enganar a FIERN e a Federação do Comércio, com o calote dos fornecedores do Estado, a Governadora Fátima Bezerra, traiu os Sindicatos dos Servidores, ao editar no Diário Oficial a revogação da Portaria nº 109, de 07/05/2019, que criou o COMITÊ ESTADUAL DE NEGOCIAÇÃO COLETIVA COM OS SERVIDORES PÚBLICOS, com o objetivo de elaborar o calendário de pagamento do funcionalismo potiguar.

O COMITÊ ERA FORMADO, por representantes das Secretarias de Planejamento, Tributação e de Administração e dos seguintes Sindicatos:

SINDIFERN – Fernando Carvalho de Freitas e Arnaldo Fiúza

SINTE-RN – Elder Teotônio Costa

SINSP – Tárcio Fontenelle

SINDSAÚDE- Breno Coutinho Abbott

SINPOL – Nilton Cesar Ferreira

SINDASP – Vilma Batista da Silva

SINAI – Felipe Assunção

Com esse ato da líder petista no Estado, está mais do que comprovado, que o Governo vai atrasar o pagamento do funcionalismo público a partir do mês de julho, inclusive a antecipação dos 50% do décimo terceiro salário.


Fonte: Blog do Robson Pires